Arquivo de Dezembro, 2010

Acordes com Melodia

Para praticar no violão ou na guitarra “limpa”. Abaixo uma seleção de músicas em Bossa Nova e alguns clássicos de Jazz com técnicas de fingerstyle (solo com acompanhamento ) que aos poucos vão ser postados aqui os quais poderão ser baixadas em PDF, Tab para GuitarPro, ou em aplicativo do site (lickByNeck) que roda direto no PC (não precisa instalação). Para quem não conhece, o aplicativo já vem com o software embutido na música e mostra a tablatura, cifra e o braço do violão além de tecla slow e loop para estudo, o que facilita muito na hora de tirar a música. Esta dádiva vem do site http://lickbyneck.com.

Pode-se tambem tirar a música direto no blog, sem baixar nada, simplesmente olhando as notações disponibilizadas e com auxílio do vídeo ( e um pouco de ouvido) para ver como deve soar. Grau de dificuldade: Begginer/Intermediário. Divirta-se!

(mais…)

Anúncios

Uma nota tocada no violão ou na guitarra é composta por uma mistura de vários sons de freqüências diferentes. Cada um desses sons é um harmônico. E existe uma forma de se tocar e ouvir apenas um harmônico de cada vez. Na verdade são duas formas – através dos harmônicos naturais e dos harmônicos artificiais.

(mais…)


fonte: http://to-campos.planetaclix.pt/

Se se tocarem duas notas idênticas ao mesmo tempo é difícil distinguir o som que se ouve do som de apenas uma delas. Mas se a altura (frequência) de uma delas for ligeiramente diferente, ouve-se um batimento, ou seja, uma fluctuação distinta de volume que tem um som «ondulante». A ondulação será tanto mais rápida quanto maior for a discrepância entre as notas. Afina-se duas notas alterando uma delas, o que acelera ou retarda o batimento, até ele desaparecer.

As notas das cordas soltas da guitarra são: E4 B3 G3 D3 A2 E2 (o Dó médio no piano é o C4). O A4 de 440Hz é na 1ª corda no 5º trasto ou no harmónico da 5ª corda (4º harmónico de A2 – 110 HZ) no 5º trasto. Corresponde ao segundo espaço na clave de sol mas, como para a guitarra se usa a clave de sol oitavada, as notas são notadas uma oitava acima e este lá fica na 1ª linha extra superior.

(mais…)

Transforme o  iPhone, iPad ou iPod Touch em pedais de efeito para guitarra com requintes profissionais, e toque com o  AmpliTube.

000-irig-front

O Gadget  é um adaptador que pode conectar a guitarra ao iPhone e ao amplificador. o iRig se liga à saída de áudio do iPhone, iPad ou iPod Touch. Outras duas entradas permitem conexão da guitarra ou baixo, e do amplificador ou fone de ouvido. Daí, é só baixar o aplicativo AmpliTube, que, em sua versão gratuita, tem três efeitos (delay, filtro de ruído e distorção), e começar a brincadeira. Outras versões pagas no app têm mais efeitos como o “wah wah”, Flanger, Chorus ou o “overdrive”. E pronto, eis o seu pedal virtual de efeitos. O aplicativo também tem funções de rádio e de metrônomo e toca músicas de fundo enquanto você faz seus malabarismos na guitarra. O preço do iRig é de 30 dólares, no site da AmpliTube. Agora, se você realmente for desembolsar esta quantia, vale a pena comprar também a versão completa do aplicativo, que sai por mais 15 dólares.  artigo em: infoAbril

Amplitube 2,1 (completo) para download no final desta matéria.

(mais…)

O Sonar é um dos programas mais completos para a produção de áudio. Ele acompanha todo o processo de produção musical, dando todos os recursos necessários para isso.

Com Sonar você vai fazer não só a gravação e composição, como também a pós-produção (edição, mixagem e masterização). Com ferramentas exclusivas, o software colabora como nenhum outro na construção do áudio, da forma mais completa possível. Através da alta tecnologia que disponibiliza, o programa da Cakewalk possibilita não só controle total ao usuário na manipulação do áudio como também inovações incríveis. O resultado é ainda mais inspiração para você durante a contrução e uma obra final com enorme qualidade de áudio e perfeição profissional.

Confira alguns dos novos recursos SONAR 6.2 Studio Edition:

* Active Controller Technology (ACT): adicione efeitos dinâmicos, mixagem e crie parâmetros de instrumentos para os controladores de hardware.
* Recurso AudioSnap.
* A suite de ferramentas AudioSnap inclui:
o Opções aperfeiçoadas de áudio;
o Proteção de múltiplas trilhas dentro do mesmo áudio;
o Mudanças de áudio sem emendas;
o Converção de batidas para MÍDI;
o Algoritmos de tempo de alta qualidade inclusive iZotope Radius, Modo de Percussão e muito mais.
* VC-64 Vintage Channel – estágios de compressão dual Channel, componentes de modelagem analógicos e muito mais.
* Sessão Drummer™ 2;
* Recurso Synth Rack que permite gerenciar, controlar e automatizar seus instrumentos.
* Console redesenhada para uma mixagem ergonômica;
* Transporte modular que fornece um playback fácil e um retorno visual eficiente;
* Analisador de espectro;
* Edição de clipe aperfeiçoado com opções para atributes específico (posição, duração, ambos);
* Trabalhe com plug-ins VST – O suporte VST é agora integrado com o SONAR 6 e não requer um VST externo para adaptadores DX;
* Recursos de automatização: controle read/write para rastros e plug-ins. Estes recursos são automatizados durante um playback ou gravação, além de oferecer sugestões visuais de automatização e muito mais;
* Zoom rápido e edição precisa;
* Suporte para o controle de parâmetro e zoom feito pelo mouse;
* Recuperação de falhas – Seus projetos estarão protegidos contra plug-ins defeituosos e outros problemas;
* Interface de usuário personalizada: coloque seus recursos favoritos mais acessíveis;
* Menus de plug-ins personalizados para uma organização e criação de grupos precisa;
* Esquemas de cor de costume com saturação, cor, e controle de brilho e categorias de cor para uma rápida e fácil;

D  O  W  N  L  O  A  D

360 Mb  |  RAR  |   Completo + Sonar 6.2 update Included  | Idioma Inglês |

H O T F I L E

………Part 1 ………Part 2 ………Part 3 ………Part 4

< >

* * *

Em 18 de Setembro fez o 40 º aniversário da trágica morte de Jimi Hendrix. Muito mais do que apenas o homem que é amplamente considerado como o maior guitarrista de todos os tempos, James Marshall Hendrix foi um explorador sonoro, um performer ultrajante e uma força cultural. Abaixo o Pack contendo este exercício em  PDF, tab para GuitarPro, e áudio em mp3 ( nota por nota) para  escutar como deve soar essa música na guitarra. Boas palhetadas!

GuitarPro Tab | PDF | mp3 | 3,6 MB | RAR

Fonte: Guitar Player Magazine


Um passo a passo com o estilo e técnicas deste que foi um dos maiores de todos os tempos. Este pack livro/audio  oferece um exclusivo e completo exame de doze das composições maiores de Hendrix. Cada segmento de música é apresentado com todas as partes de guitarra totalmente transcritas, além de acompanhamento de áudio em MP3, como realizado por uma banda completa. Excelente para aprender alguns truques e  estilos usados por Jimi ao tocar suas músicas. Este livro é uma obrigação para qualquer guitarrista. Todos os solos, bem como suas complexões rítmicas, também são executadas lentamente para facilitar a compreensão e digitação. Notas de desempenho, delineando chord voicings, escala de uso e técnicas incomuns são incluídas para cada canção. Canções incluem: Foxy Lady, Hey Joe, Little Wing, Purple Haze e muito mais.

By Andy Aledort

PDF  |  mp3  | 117,63 KB MB  | RAR

Exercício publicado no Guitar Player Magazine (October 2001) de acompanhamento para guitarra que aborda um (Salsa Style)  rico em acordes, melodia e ritmo (síncopes) numa sequência muito utilizada por pianistas, para dar apoio melódico a banda ou a um solo improvisado. Pacote vem com lição em PDF, tab para GuitarPro e aúdio (passo a passo) para  ouvir como deve soar a música.

GuitarPro tab | PDF | mp3 | RAR | 727.3 KB

fonte: Guitar Player Magazine

by Jorge Pescara

Abaixo dicas e macetes importantes para todos os músicos, o original desta matéria veja  no site oficial de Jorge Pescara, músico baixista com talento reconhecido internacionalmente que escreve frequentemente diversos artigos e notícias para vários tipos de revistas de música como: Tok Pra Quem Toca, On e Off, Rock Brigade, Música áudio & Tecnologia, Backstage, TKT News e Cover Guitarra. Escreveu muitos livros, a maioria deles atualmente, em impressão.


  • Jorge Pescara ( Wikipedia)
  • Site Oficial (article source)
  • Studior
  • Biografia
  • A história do Tapping


    D  I  C  A  S     P  A  R  A       E  S  T  U  D  O

    (Contrabaixo)

    1. Manter uma rotina diária de trabalho no instrumento que não exceda suas próprias capacidades físicas e/ou biológicas. Estudar todos os dias, mas com calma. Nunca deixar de viver.

    2. Os cabos de áudio são tão importantes quanto os instrumentos e o amplificador. De nada adianta aquele baixo American caríssimo, um amp Euro último tipo, um processador de efeitos Japan se todas estas preciosidades estiverem ligadas em cabos merreca-Paraguay. Procure obter cabos com plugs (P10) de qualidade para o instrumento e só use cabos paralelos (shielded) para as caixas acústicas.

    3. Uma sonoridade mais rica em graves poderá ser extraída posicionando a mão direita próxima à junção braço-corpo do instrumento. Nesta área a corda sofre menor tensão dos pontos de apoio (localizados nos extremos ponte/capotraste) excitando um menor número de harmônicos. Experimente tocar neste local.

    4. Quando estiver sem muita inspiração para estudar ou compor (ou mesmo sem paciência para olhar para o contrabaixo) e se estiver realmente cansado de música, desligue tudo. “Não” ouça seus Cds preferidos, ao contrário, leia um livro qualquer (ficção, filosofia, livros técnicos, religião, astronomia, ufologia, física, hobbye, etc…) valendo também passear (num parque, praia, lago, rio ou ver obras de arte). Verifique os benéficos resultados e conte-me via e-mail.

    5. Aí vai uma dica final de como adquirir segurança técnica nos estudos. Ligue o metrônomo em 60BPMs. Marque o tempo (desdobrado) com os pés batendo-os ao chão. Solfeje a dobra tempo/contratempo e toque semicolcheias. Uma outra possibilidade é transformar o solfejo e o exercício em tercina e Shuffle, respectivamente.

    6. Muitos músicos mal informados por vezes tomam atitudes impensadas tais como: “cortar o pino terra dos cabos de força com três pinos”. Evite tal coisa, pois os dispositivos eletrônicos importados vêm com cabos AC compostos por um vivo, um neutro, e um terra. Isto evita choques e imprevistos com descargas elétricas, portanto sempre é bom contar com isso. Na falta de uma tomada de três pinos (no local) para colocar o plug, use um adaptador que é muito mais barato do que você pensa (mantenha-o sempre no gig-bag do baixo). O plug de três pinos cabe em qualquer tomada de estúdio (se o estúdio não tiver tomadas deste tipo, desconfie!!). De qualquer modo, vale acreditar que algum dia nossas normas gerais de segurança, para as questões elétricas, irão se amoldar ao primeiro mundo e teremos tomadas de três pinos em todas as casas.

    7. Em hipótese alguma use o produto chamado WD-40 (que é na verdade um óleo composto para agir contra a ferrugem) em potenciômetros de qualquer dispositivo eletrônico. Controles de volume ou de tonalidade do seu baixo, da mesa de som, do amp ou controles dos processadores de efeito devem ser limpos com gás Freon (mas cuidado com a camada de ozônio) que é um líquido especial para estas finalidades, pois evapora rápido, enquanto o WD-40 deixa um resíduo oleoso que corrói o grafite dos potenciômetros (dando apenas a impressão de que estão limpos) inutilizando-os para sempre.

    8. Uma boa dica para as gigs do dia-a-dia é levar sempre uma pequena bolsa ou maleta contendo apetrechos que nos salvam dos dissabores da estrada. Este cinto de utilidades do Batman pode conter entre outras coisas: cabo(s) extra(s) para instrumento/caixas acústicas/efeitos, um (ou vários) adaptador(es) de tomadas três pinos/pino achatado/ pino redondo, uma extensão de rede elétrica, uma régua com várias tomadas, baterias 9v. novas (para efeitos e instrumentos ativos), chaves de regulagem de instrumento de várias medidas (fenda, philips, allem…), uma flanela limpa, cordas novas (set extra), fita adesiva (silver tape), papel e caneta piloto ponta grossa (para escrever cifras de última hora) e tudo o que sua imaginação e necessidade permitir… menos a pia da cozinha, é claro!!

    (mais…)