Posts Tagged ‘Técnica Animal’

PAT MARTINO LICKS

Pat Martino nome artistico de Pat Azzara é sem dúvidas um dos maiores guitarristas de jazz de todos os tempos. Dono de uma sonoridade própria e técnica impecável, Pat constrói lindas frases com sua famosa guitarra Gibson Pat Martino. Ele utiliza com muito bom gosto cromatismos, arpejos, escalas alteradas, entre outros recursos. O seu estilo de improviso “conversão ao menor” com a utilização de menores relativas é sem sombra de dúvida um sistema muito interessante. Memorize e compreenda os licks a seguir e aplique-os também em outras tonalidades e temas no seu dia a dia.

(mais…)

JOE PASS & PAT MARTINO LICKS

Na primeira parte, nós exploramos diferentes abordagens para a melodia de Blue Bossa, em um “16 compassos bossa-nova tune” em C menor em torno de progressões II-V-I menores e maiores. Também falamos sobre opções de solos para as mudanças de acordes e um solo construído como amostra utilizando linhas tanto II-V-I e II-V-I menores. Nesta seção vamos continuar nosso estudo sobre “Blue Bossa” com duas trancrições examinando como dois grandes nomes contrastantes da guitarra jazz têm abordado isso …

(mais…)

NOVO COLABORADOR DO  BLOG

A cada dia que passa percebemos o maior número de acessos e de utilizadores interessados pelo nosso blog e pelos artigos que escrevemos. Para manter este blog exige muito trabalho e dedicação dos seus administradores e nem sempre é possível manter a frequência das postagens de novos artigos. É nesse sentido que convidamos o guitarrista e instrutor Ramon Domingos, que assinará uma coluna no blog, mantendo-o atualizado sobre as técnicas de guitarra, que é seu foco principal. Na primeira matéria sugerimos ao Ramon que falasse sobre CAGED ou Sistema 5, porque é um assunto que nos interessa muito, portanto, vamos fazer uma abordagem completa para que possamos compreender ainda melhor este sistema. aguardem novas e variadas matérias sobre este assunto.

(mais…)

Metal Bootcamp series – Sweeping part 3

Com o mesmo movimento abrangente de mãos e palhetadas que nós olhamos ao longo das duas últimas colunas, enquanto todos os elementos descendentes são em (hammer-on) martelados usando a técnica de “tap” com a mão da escala (fretting hand tap), muitas das formas são também extendidas no intervalo com a adição de “tapping” que são executados com o segundo dedo, a palheta realizada como de costume. Esta combinação permitirá um som “legato” com base na técnica mais “convencional” que estudamos nas úlima matérias desta serie, e vai dar um efeito quase syntetiser com suas linhas de “arpeggio”. A vantagem é que a mão direita pode estender os arpejos sem a restrição da necessidade de voltar para pegar a próxima nota descendente na subida. Isto significa que podemos usar o “Sweep Picking” em toda a área do instrumento, com a mão direita executar o sweep, que por sua vez, dará um tom muito quente e suave.

(mais…)

Metal Bootcamp series – Sweeping parte 2
Vinnie Moore, Paul Gilbert, Jason Becker e Marty Friedman, que dominaram a cena a partir de meados dos anos 80 em diante. Influenciados inicialmente por instrumentos como o violino e flauta, o arpeggio playing se tornou uma marca registrada deste estilo de tocar guitarra novo e excitante, fornecendo muitos desafios técnicos para os guitarristas de rock. Vamos definir uma rotina de prática para permitir o desenvolvimento da técnica de arpejo e sweeping, expandindo as formas de três cordas do último estudo para incluir as formas completas de cinco e seis cordas. Existem três formas que você vai ver nos diagramas do braço da guitarra: para maior, menor e diminuta, e cada um é uma inversão diferente e posição da mesma tríade básica. Essas formas deverão também serem visualizadas em todo o sistema CAGED, relacionando cada tríade para sua corda de hospedagem.

Execute estes exercícios com precisão militar para o sargento Martin Goulding por 0500 horas ou você vai ter que esfregar as latrinas com uma escova de dentes!

(mais…)


Admirado internacionalmente pelo seu formidável e imaginativo trabalho de guitarra jazz-fusion, Frank Gambale colaborou com muitas outras figuras do gênero, dedicando-se também ao seu próprio grupo e ao ensino.  (Yamaha.com)

A velocidade não surge da noite para o dia. É algo que precisa ser desenvolvido com paciência e seriedade. Para muitos guitarristas, ela parece ser o objetivo principal, a fronteira final, o que para mim é curioso, já que a guitarra deve ser um dos únicos instrumentos em que isso é um negócio levado tão á sério. Para a maioria dos instrumentos, a musicalidade instantaneamente torna-se muito mais importante que velocidade. Não estou dizendo que todo guitarrista quer tocar de modo ultra rápido, mas parece que velocidade torna-se rapidamente um fator impressionável dentro do universo do instrumento, dependendo logicamente do conteúudo.

Sim, Velocidade é importante mas, ter conteúdo é muito mais. Parece que muitos guitarristas tocam coisas bonitas e agradáveis em tempos lentos ou médios e tocam praticamente qualquer coisa apenas para serem rápidos, deixando a qualidade ir por água a baixo. Portanto vamos à alguns conceitos sobre velocidade que acho importante:

  • Se soa bem e inteligente quando tocado lentamente, vai soar da mesma forma quando tocado de maneira rápida;
  • Escreva e construa um lick interessante no papel e aprenda a tocá-lo de modo rápido;
  • Toque uma escala de “G” Maior em duas oitavas com o metrônomo a 100 bpm.
  • Toque dez vezes sem parar estritamente em semicolcheias.
  • É um teste de resistência e construção de força.
  • Somente depois disso é que você deve aumentar a velocidade e repetir o processo;
  • Toque corretamente vinte vezes antes de mover o metrônomo

.

(mais…)

Lick Library

Quick Licks Paul Gilbert DVDR TUTORiAL | 2.62 GB
PAL DVDR | 1hour | 720×576 (16:9) 25.00fps | Audio: Dolby AC3 48000Hz stereo 192Kbps | Language: English
Genre: eLearning


Tutorial passo a passo para Licks de guitarra no estilo de Paul Gilbert, com virtuoso detalhamento técnico! Também inclui uma faixa jam de guitarra. Lições de Andy James. Cada DVD da série Quick Licks inclui um arsenal de licks no estilo de seu artista escolhido para acrescentar ao seu repertório, além de backing tracks para praticar seus licks e técnicas novas. Andy James é um guitarrista muito respeitado e professor cujas influências incluem Greg Howe, Paul Gilbert, Tony Macalpine e Zakk Wylde. Sua técnica tem sido aplaudida por guitarristas lendários como Vinnie Moore, e contou com músicos Sky TV Canal.

(mais…)

……

Álbuns de estúdio

Álbuns ao vivo

Singles

Coletâneas

Article source:  Sempretops.com

Download

  • When Dream and Day Unite (1989)

http://www.4shared.com/file/67138274/50d…

  • Images and Words (1992)

http://www.4shared.com/file/67138273/ceb…

  • Awake (1994)

http://www.4shared.com/file/67148105/d8f…

  • A Change of Seasons (1995) [EP]

http://www.4shared.com/file/66469978/d3d…

  • Falling Into Infinity (1997)

http://www.4shared.com/file/33203973/687…

  • Metropolis, Pt. 2: Scenes From A Memory (1999)

http://www.4shared.com/file/67167508/83e…

  • Six Degrees of Inner Turbulence (2002)

http://www.4shared.com/file/67283799/906…

  • Train of Thought (2003)

http://www.4shared.com/file/32406581/4f0…

  • Octavarium (2005)

http://www.4shared.com/file/43030267/684…

  • Systematic Chaos (2007)

http://www.4shared.com/file/35088603/e50…

  • Black Clouds & Silver Linings (2009)

http://www.4shared.com/file/113097234/81…


Baixou  o Frank Zappa no teacher!

 

Música: Eruption    Guitarrista: Eddie Van Halen   Banda: Van Halen   Álbum: Van Halen  Ano: 1978

D i s s e c a n d o   E r u p t i o n

Eddie Van Halen

Dissecando

Aparentemente, a gravação de “Eruption” aconteceu espontaneamente… Eddie estava “aquecendo” para a gravação em estúdio no início de um dia, quando o produtor Ted Templeman ouviu o guitarrista. Ted se encantou tanto com o que ele ouviu, que exigiu que ele gravasse o solo naquele mesmo momento e formato. Eddie rapidamente depois de gravar uma “eruption” acabou por colocar esta  trilha no álbum.

Eddie diz: “Eu não sabia sequer reproduzi-la direito . Há um erro no final da mesma.”

Até hoje sempre que ouço isso eu sempre penso, “Homem, eu poderia tê-la tocado melhor.”

eddie-van-halen_80

A família Van Halen era uma família de músicos. O pai de Edward e Alex tocava clarinete, e os dois aprenderam a tocar piano (clássico) desde cedo. Mais tarde, resolveram trocar o instrumento por uma guitarra e uma bateria.

O curioso é que Eddie tocava bateria e Alex, guitarra! Com o tempo, Alex se interessou pela bateria e logo estava tocando melhor que o irmão, que decidiu ir tocar a guitarra. Troca maravilhosa se pensarmos nos músicos em que se tornaram.

http://guitar.about.com/

Página Oficial
http://www.van-halen.com/

Transcrição
http://www.guitarclass.com.br/materia/30/eruption.htm


Baixe p/GuitarPro


***********************

Learn Van Halen ERUPTION by PeterThorn.com

Part 1 of 05

Learn Van Halen ERUPTION by PeterThorn.com

Part 2 of 05

Learn Van Halen ERUPTION by PeterThorn.com

Part 3 of 05

Learn Van Halen ERUPTION by PeterThorn.com

Part 4 of 05

Learn Van Halen ERUPTION by PeterThorn.com

Part 5 of 05

E d d i e    V a n    H a l e n    –    E r u p t i o n    –    L i v e

***************

http://www.primeirosacordes.com.br/index.php?optiode-guitarra&Itemid=97